Vagas para (38) Oficiais de Tosse

Vagas para (38)  Oficiais de Tosse
Vagas para (38) Oficiais de Tosse

22 fevereiro, 2021

Digite seu endereço de e-mail:  
Informamos que todas as oportunidades de emprego publicadas no site EMPREGO.INFROMOZ, sem excepção, não implicam qualquer custo para os candidatos

A FUNDAÇÃO ARIEL GLASER CONTRA O SIDA PEDIÁTRICO (ARIEL), uma ONG Nacional que trabalha em parceria com as Direcções Provinciais de Saúde, Serviços Distritais de Saúde da Mulher e Acção Social (SDSMAS) e Hospitais Rurais (HR) nas Províncias de Maputo e Cabo Delgado. Apoia a implementação, acesso e expansão dos Serviços Clínicos de HIV integrados e de qualidade, especificamente o Programa de Saúde Materno Infantil (SMI) /Prevenção de Transmissão Vertical (PTV), Cuidados e tratamento Anti – retroviral (TARV) para Crianças e Adultos e apoio psicossocial através de uma abordagem de Fortalecimento do Sistema Nacional de Saúde.

I.PROVINCIA DE CABO DELGADO

 

 

4.OFICIAL DE TOSSE(m/f) Ancuabe (5), Chiure (7), Nanuno (1), Balama (1), Mueda (4), Pemba (12), Metuge (1), Montepuez (5), Palma (1), Nangade (1)

O Oficial de Tosse reporta aosupervisor de TB na Unidade Sanitária, tem responsabilidade de, promover e implementar as medidas de controlo de infecção para a tuberculose na US.Apoiar no rastreio e encaminhamento de todos os pacientes com TB presumptiva ou confirmada, assim como no fluxo de amostras e resultados de exames auxiliares de diagnóstico.

RESPONSABILIDADE E PRINCIPAIS ACTIVIDADES

• Realizar diariamente palestras sobre a tuberculose e a triagem de tosse nas salas de espera, aceitação, sector de TB e outros locais de aglomeração da Unidade Sanitária (US) e entregar «convites» para busca dos contactos;
• Identificar e separar todos os pacientes com TB presumptiva para uma área específica e garantir o devido acompanhamento desses casos em colaboração com o profissional da triagem.
• Promover e educar sobre a etiqueta da tosse a todos os utentes dentro da US;
• Reduzir o tempo de permanência de pacientes com TB presumptiva na US, servindo como elo de ligação com a US e facilitando o encaminhamento/acompanhamento adequado dos casos com TB presumptiva para os serviços de TB e laboratório de acordo com o Protocolo Nacional
• Encaminhar os casos com baciloscopia positiva para iniciar tratamento no sector de TB, e os casos com baciloscopia negativa para consulta clínica.
• Fornecer material IEC aos utentes sobre a tuberculose (prevenção, transmissão tratamento)
• Assistir os pacientes na colecta de amostras, aconselhá-los sobre onde, quando e como produzir amostras de baciloscopias (BK)
• Encaminhar os pacientes para um local específico da US, onde o mesmo irá colher a primeira amostra de expectoração no mesmo dia do rastreio
• Apoiar para o cumprimento das medidas de Controlo de Infecção da TB (CITB) dentro da US.
• Assegurar o adequado transporte de amostras de BK para o laboratório

 

Requisitos :

 

Grau de escolaridade mínimo 7ª classe
Agente comunitário de saúde (activista/voluntário, educador de par, PMT) e /ou agentes de serviço alocado à US
Disponibilidade para estar todos os dias na US, no momento de início das actividades matinais.

 

Como se candidatar

 

N.B. Se reúne os requisitos já enumerados e tem experiência comprovada, envie os seguintes documentos:

 

Carta de Motivação, B.I autenticado, Certificado de Habilitações Literárias autenticado, CV detalhado em formato word e em Português. Os interessados devem submeter as candidaturas aos Serviços Distritais de Saúde, Mulher e Acção Social (SDSMAS) correspondentes aos distritos na qual se candidatam, ou devem ser entregues nos escritórios da Sede sito na Av. Agostinho Neto, Nº 620, na Matola sito na Rua da Missão nº 315 e em Pemba na Rua da Base Moçambique, nº 640, até o dia 11 de Março 2021

N.B. Só serão contactados os candidatos selecionados a entrevistas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *