Vagas para (36) Técnicos de Medicina Geral

Vagas para (36) Técnicos de Medicina Geral
Vagas para (36) Técnicos de Medicina Geral

18 maio, 2021

Digite seu endereço de e-mail:  
Informamos que todas as oportunidades de emprego publicadas no site EMPREGO.INFROMOZ, sem excepção, não implicam qualquer custo para os candidatos
A FUNDAÇÃO ARIEL GLASER CONTRA O SIDA PEDIÁTRICO (ARIEL), uma ONG Nacional que trabalha em parceria com as Direcções Provinciais de Saúde, Serviços Distritais de Saúde da Mulher e Acção Social (SDSMAS) e Hospitais Rurais (HR) nas Províncias de Maputo e Cabo Delgado. Apoia a implementação, acesso e expansão dos Serviços Clínicos de HIV integrados e de qualidade, especificamente o Programa de Saúde Materno Infantil (SMI) /Prevenção de Transmissão Vertical (PTV), Cuidados e tratamento Anti – retroviral (TARV) para Crianças e Adultos e apoio psicossocial através de uma abordagem de Fortalecimento do Sistema Nacional de Saúde.

 I.PROVINCIA DE MAPUTO

·         36 Técnicos de Medicina Geral para TPI

 

 

 

Para um período de seis (6) meses, a Fundação Ariel Glaser está a recrutar Técnicos de Medicina (m/f), 18 para Matola, 3 para Manhiça, 3 para Xinavane, 3 para Marracuene, 1 para Magude, 4 para Boane,2 para Moamba, 1 para Namaacha e 1 para Matutuine, em Moçambique.

Descrição

• Moçambique é um país endémico á tuberculose e diariamente vão ocorrendo novas infecções devido a fraca capacidade de diagnósticos nas nossas USs aliada à falta de conhecimento dos pacientes relativamente a esta doença. Por outro lado a OMS orienta o tratamento preventivo para a Tuberculose com Isoniazida em pacientes com HIV+ pelo menos uma vez na vida, como medida para conter a TB latente de modo a que esta não se active
• A implementação desta abordagem é um desafio, sobretudo em pacientes que se encontram em Modelos Diferenciados de Cuidados, por na sua maioria fazerem-se à US apenas para levantamentos de medicamentos ARV´s, e por isso a província está com uma oferta de TPT na ordem de 67% e documentação do término da mesma a 55%, muito aquem dos 85% e 90% respectivamente
• Para responder a este desafio, serão alocados nas USs de maior volume em cada distrito à excepção da Matola cuja cobertura será a 100%, Técnicos de Medicina Geral que irão dinamizar a oferta do TPT para todos os pacientes que nunca beneficiaram, assim como rastrear todos os que já fizeram mas não tenham a informação actualizada nas respectivas Fichas Mestras e proceder com as respectivasactualizações por um período de seis (6) meses
Funções
• Apoiar na melhoria do desempenho das unidades sanitárias nos serviços de C&T na componente de prevenção com recurso ao tratamento com Isoniazida através da capacitação do sistema em:
• Rastreio de elegíveis a iniciar a profilaxia contra a TB
• Identificação de elegíveis a terminar a profilaxia com INH
• Actualização do término do TPT em pacientes sem informação completa na FM
• Fazer a Monitoria semanal dos inícios de TPT nos novos em TARV
• Monitorar semanalmente os novos elegíveis a terminar a profilaxia
• Capacitar os Pontos Focais de TPT das US´s na monitoria e avaliação do início e término do TPT
• Avaliar a disponibilidade de resultados de CV para os pacientes em MDS e solicitá-lo para todos que o tenham desactualizado
• Fazer o diagnóstico situacional e orientar a revisão de fluxo de seguiemento dos pacientes a partir da Farmácia (Arquivo, Farmácia, etc.)
• Trabalhar com a lista de elegíveis à Farmácia diariamente e identificar os elegíveis a iniciar e a terminar
• Fazer rastreio de Fichas Mestras sem Início de profilaxia e cruzar com o processo antigo
• Fazer avaliação de elegibilidade para oferta do TPT a todos os pacientes que nunca receberam
• Identificar pacientes elegíveis à Carga Viral e solicitar o exame
• Solicitar exames bacteriológicos para despiste de Tuberculose em pacientes sintomáticos em MDS
• Referir pacientes elegíveis a seguimento de adesão (suspeitos de Falência/má adesão)
• Elaborar os relatórios técnicos conforme as necessidades do programa de TB
• Analisar os indicadores programáticos relacionados a TB para direccionar intervenções prioritárias

 

 

 

Requisitos

 

 

• Não ter vínculo com o Estado
• Ter experiência mínima de 6 meses como Técnico de Medicina Geral será uma vantagem
• Experiência de atendimento clínico é obrigatória (diagnóstico, manejo e tratamento de doenças comuns do país)
• Domínio dos critérios para início e término da profilaxia com INH
• Capacidade organizacional, para escrever e interpretar relatórios
• Conhecimento de sistemas informáticos e programas (Word, Excel e PP)
• Boa comunicação e capacidade de persuadir para mudança de atitude
• Fluência em Português e língua local.

 

 

Notas

 

Apenas candidatos pré-seleccionados serão contactados
• Envie Carta de Motivação, B.I autenticado, Certificado de Habilitações Literárias autenticado, CV detalhado em formato word e em Português.

 

AS CANDIDIDATURAS DEVEM SER SUBMETIDAS ATÉ O DIA 22 DE MAIO DE 2021 NOS SDSMAS DOS DISTRITOS.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *